How we made the LEGO® Colosseum set

Como um conjunto LEGO® é projetado e fabricado, usando o exemplo do LEGO® Coliseu

Aliás, por falar em como os conjuntos LEGO® são projetados, gostaríamos de aproveitar esta oportunidade para dissipar totalmente os rumores (digamos assim, relativamente) infundados que circulam por aí de que os conjuntos LEGO® são produzidos seguindo um poderoso processo mágico, envolvendo alquimia, caldeirões e canto em grupo.

A verdade é muito, muito mais divertida.

Para conhecer mais sobre o processo de design “real”, conversamos com Rok Zgalin Kobe, um designer sênior da LEGO Architecture.

Embora cada conjunto e tema tenham cronogramas de design ligeiramente diferentes, já que o Rok liderou a equipe por trás do maior conjunto de LEGO de todos os tempos, o novo LEGO Coliseu, pensamos que seria divertido focar nesse conjunto específico. Como é que eles dizem mesmo? “Quando em Roma...”

1ª fase: As origens

Pensando bem, podemos até dizer que era o destino do Rok produzir o LEGO Coliseu um dia. Quando criança, ele costumava escalar as ruínas romanas de Emona em sua cidade natal, Liubliana, na Eslovênia. Anos mais tarde, foi em Roma que ele e sua namorada grávida decidiram chamar seu filho de Rem em homenagem a um dos mitológicos irmãos fundadores da cidade, Remo.

Então, certamente o Rok foi a força motriz por trás da ideia do LEGO Coliseu, certo? Bem…

“Isso seria extremamente egocêntrico”, rebate Rok. “É a mesma ideia que metade do mundo teria na minha posição!”

Rok Zgalin Kobe, designer sênior da LEGO Architecture

Rok revela como, para a LEGO Architecture, existe uma lista das maiores estruturas de todos os tempos, e isso torna os cenários futuros para novos conjuntos mais previsíveis do que em temas que dependem da cultura popular, como o lançamento de um novo filme.

“O Coliseu sempre esteve no topo dessa lista. Desde 2012, eu já tinha experimentado em diferentes escalas, mas foi difícil fazer jus a ele, transmitir sua monumentalidade.”

Então, o que mudou?

“Basicamente, recebemos sinal verde para explorar o que fosse necessário para construir o Coliseu.” Normalmente, os designers precisariam estabelecer uma faixa de preço desde o início do projeto. Porém, nesse caso, o Rok pode “explorar o que seria a melhor execução, sem restrições de preço”.<br>

2ª fase: O conceito

O próximo passo foi uma apresentação em um evento de seleção interna. Os eventos de seleção interna são realizados em determinados meses, nos quais uma equipe de projeto envia seu protótipo mais recente para análise. O primeiro desses “funis” é conhecido como fase de conceito.

Depois que as primeiras conversas sobre o novo Coliseu ocorreram em fevereiro de 2019, o Rok começou a criar um modelo conceitual que consistia em uma “fachada externa bidimensional do Coliseu, com uma peça de espessura e apenas um contorno. Mas a escala do modelo permaneceu completamente inalterada desde então.”

O modelo conceitual do Coliseu

Essas simples “paredes curvas autônomas sobre um quadro” foram suficientes para “vender o sonho”, nas palavras de Rok, e o modelo avançou para a segunda etapa do processo de seleção: a fase de desenvolvimento.<br>

3ª fase: Desenvolvimento

Por mais que todos amemos admirar nossos conceitos, sempre há algum desenvolvimento necessário para melhorar as coisas.

Excepcionalmente, com o Coliseu, esse estágio de desenvolvimento foi supervisionado por um novo designer. O Rok foi escalado para outro conceito, então, o projeto foi entregue a Mike Psiaki, que Rok descreve como “realmente ótimo com geometrias incomuns”.

Mike construiu o segundo modelo em um “tempo incrivelmente curto para um modelo desse tamanho”, que recebeu sinal verde em um segundo evento de seleção interna, antes de retornar ao Rok para finalização.

4ª fase: Fazendo um briefing

O Rok teve apenas um mês após receber o modelo do Mike para “precificá-lo”, algo que Rok descreve como uma das tarefas mais difíceis relacionadas ao projeto. Isso é conhecido como brief, quando o designer estima o custo de fabricação do produto.

Esta estimativa é importante, porque é algo que os designers devem seguir mais tarde, sabendo que o modelo final será muito diferente dos protótipos atuais.

Essa fase, por incrível que pareça, também levou a um aumento na quantidade de peças, mas isso ocorreu porque o Rok procurou maneiras de tornar o produto mais em conta, “substituindo uma peça maior e mais complexa por outra menor e mais barata”.

Foi então que o Rok começou a perceber que eles estavam perto de criar o maior conjunto de LEGO de todos os tempos. “Esse nunca foi o objetivo”, enfatiza Rok. O objetivo principal sempre foi “fazer o melhor Coliseu que se poderia fazer com peças LEGO. Sempre defendi que ele precisava da fachada, das diferentes ordens dórica/toscana, jônica e coríntia. 

A escala exigia muitas peças.”

5ª fase: Finalização

Embora o modelo de desenvolvimento se pareça com o modelo final, não é possível construí-los até a finalização.

A finalização é onde a experiência do usuário é priorizada e todos os inúmeros detalhes exclusivos, que apenas um designer mestre como o Rok poderia saber, são adicionados.

Devido ao seu tamanho, o Rok trabalhou em quatro modelos parciais separados correspondentes a diferentes seções. A razão para isso era evitar que uma pequena mudança demorasse muito para ser implementada, confinando-a nesse modelo parcial sem estendê-la aos outros.

6ª fase: Teste de calor

Um dos momentos mais estressantes na vida de um designer do Grupo LEGO é quando o produto, fruto de meses, às vezes anos, de trabalho árduo é colocado em um forno industrial (!)...

Parece crueldade, não é mesmo? Mas há uma boa razão para isso (sério mesmo).

O teste de calor simula anos de desgaste sobre elementos LEGO e é uma etapa pela qual todos os conjuntos LEGO em potencial devem passar para garantir que sejam duráveis o suficiente para serem vendidos.

Para um modelo deste tamanho, esse resultado foi talvez o mais desconhecido. Na tentativa de contrabalançar seu peso, o Rok e sua equipe criaram uma base oval forte para o Coliseu para fornecer estabilidade, reduzir os pontos “fixos” para permitir maior flexibilidade e, em teoria, reduzir o risco de despedaçamento.

“Mas só na teoria não há diferença entre teoria e prática!” como disse Rok. “Meu coração batia forte quando a técnica de modelos Charlotte Niedhardt e eu estávamos prestes a retirar o modelo em toda a sua fragilidade do forno industrial...” 

Leitor, acredite, deu certo.

No entanto, os modelos ficaram tão grandes que o Rok não conseguia usar sua mesa! Ele teve que trabalhar no saguão da Innovation House em Billund, onde teve que responder a perguntas de quase todos os gerentes de projeto, designers e vendedores que passavam!

7ª etapa: Instruções de construção

Depois da alegria de não ter seus sonhos reduzidos a cinzas, era a hora de Rok e Charlotte se concentrarem em tornar seu modelo possível de ser construído. Aqui, a engenhosidade do especialista em instruções de construção, Martin Højen Holm Buk, foi empregada para encontrar soluções até mesmo para os problemas mais complicados.

“Colaboramos constantemente para garantir que não desenhássemos algo que não pudesse ser construído usando as instruções de construção”, lembra Rok. “Quando você faz algo com peças LEGO, tem que ser construído de maneira lógica, para que a experiência em si não seja muito confusa.”

8ª etapa: O fim

A reunião final de qualidade do modelo ocorreu em agosto de 2019, aproximadamente seis meses após as primeiras discussões sobre o produto. Por ser o maior conjunto LEGO já construído, certamente ele foi mais longo do que outros projetos em que Rok trabalhou, não é?

“O prazo não diferia muito do processo normal de design LEGO, embora eu não estivesse envolvido em muitas outras tarefas nesse meio tempo. Mesmo sendo quatro vezes maior do que o meu maior conjunto LEGO anterior, eu não tive quatro vezes mais tempo!”

Depois disso, ainda demorou mais de um ano para que o conjunto fosse lançado ao público, em novembro de 2020, ano em que, por sinal, o Rok passou a maior parte do tempo trabalhando em outros projetos.

“No entanto, é emocionante voltar ao lançamento”, lembra Rok. “Todo mundo enlouquecendo com o Coliseu e, na sua cabeça, você já está um ano à frente.”

Esta é forma, caro leitor, como um conjunto LEGO é projetado e fabricado. Obviamente, há detalhes que omitimos, mas às vezes é bom ter segredos... como é mesmo aquela história do caldeirão?

Looking for more?

Check out the Adults Welcome homepage to see our collection of adult-focused sets and articles!